Chanceler Airton Queiroz e Dona Yolanda são homenageados

24 maio 2017

Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/escoteirosorg/public_html/beta/wp-content/themes/escoteiros-theme/single-noticias.php on line 18

O escotismo cearense foi homenageado em sessão solene ao Dia do Escoteiro e aos 95 anos do movimento no Estado, realizada na Assembleia Legislativa do Ceará, no Plenário 13 de Maio, na noite dessa sexta-feira. A solenidade foi requerida pelo deputado Bruno Pedrosa, presidente da Comissão da Juventude. O Chanceler Airton Queiroz, presidente da Fundação Edson Queiroz, e Dona Yolanda Queiroz foram homenageados com honraria especial pelos esforços prestados para o crescimento do escotismo no Ceará. A noite contou ainda com a apresentação da Orquestra Sanfônica da Universidade de Fortaleza (Unifor) e da Orquestra da Escola de Aplicação Yolanda Queiroz.

Para o diretor de Relações Institucionais, Programação e Jornalismo do Sistema Verdes Mares, Paulo César Norões, que recebeu a honraria póstuma por Dona Yolanda Queiroz, o escotismo é um movimento de extremo valor para a sociedade na formação de novos cidadãos. “É uma honra receber este prêmio representando uma figura tão importante e que sempre apoiou o movimento. O escotismo é uma estrutura muito séria, que tem papel fundamental na formação de crianças e jovens”, afirma Norões que, em seu discurso, também lembrou sua experiência como escoteiro durante sua infância.

O vice-reitor da Unifor, Randal Martins Pompeu, esteve presente na cerimônia para receber o prêmio pelo Chanceler Airton Queiroz, e também, a sua honraria pelo apoio dado ao movimento, através da Unifor. “É um prazer receber esse reconhecimento tanto pela Fundação Edson Queiroz quanto pela Unifor, porque sempre fomentamos a arte, cultura e boas ideias em nosso Estado. Na Unifor, temos várias parcerias com os escoteiros, com ações nos fins de semanas em nossas áreas verdes. Também temos atividades do movimento na Escola de Aplicação Yolanda Queiroz, que está sempre de portas abertas aos escoteiros do Ceará”, aponta. A coordenadora do mestrado e doutorado de Direito da Unifor, Gina Vidal Pompeu, também foi homenageada.

Flávia Rodrigues, representante da União dos Escoteiros do Brasil, no Ceará, foi uma das homenageadas da noite. Ela lembra o papel educativo do Grupo. “O escotismo é uma atividade que qualquer um pode praticar, basta querer. Seja para adulto, como voluntário, como para criançada que é beneficiária, aprendendo através de uma metodologia em que elas aprendem brincando, seja com jogos, acampamentos e outras atividades, que desenvolvem o caráter, companheirismo e fraternidade”, disse Flávia Rodrigues.

O deputado estadual Bruno Pedrosa também defende o papel da importante ferramenta de construção de cidadania. “O movimento tem espalhado ensinamentos de respeito ao meio ambiente, fraternidade e valores éticos entre jovens e crianças em várias cidades do Estado. Esta homenagem, que propus, nada mais é que um reconhecimento a este importante movimento”, finaliza o parlamentar, que sugere, ainda, a ocupação do movimento em espaços públicos.

Fonte: Diário do Nordeste