Escoteiros do Brasil integram Conselho Gestor do Programa Viva Voluntário em reunião

9 novembro 2018

Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/escoteirosorg/public_html/beta/wp-content/themes/escoteiros-theme/single-noticias.php on line 18

Os membros do Conselho Gestor do Programa Viva Voluntário, ligado à Casa Civil da Presidência da República, se reuniram na última terça-feira (06) em Brasília para tratar de questões referentes aos Grupos de Trabalho e de melhorias na plataforma do Programa, bem como do Marco Legal.

Os Escoteiros do Brasil, como parte do Conselho, foram representados pelo diretor adjunto de Relações Institucionais, Fred Santos. O encontro foi na sede do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). Entre os principais assuntos, a revisão do Marco Legal, como parte das ações de um grupo de trabalho. “Nós fazemos parte do grupo que revisa o Marco Legal, e entregamos uma proposta de projeto de lei que deve seguir inicialmente para a Casa Civil e depois para o Congresso, visando rever o Marco Legal do Voluntariado no nosso país. É um PL que estabelece a política nacional para o voluntariado. Também iniciamos uma discussão para termos a nossa marca vinculada à do Viva Voluntário”, explicou Fred.

O diretor adjunto também comentou sobre as outras ações do grupo de trabalho que estamos inseridos. “Nós também estabelecemos as ações para o nosso grupo de trabalho em 2019, que ficaram em torno de criar um código de ética do voluntário, além de regulamentar, ampliar e replicar a lei com treinamentos, seminários e debates, para ocorrerem nas assembleias legislativas dos estados e nas câmaras municipais. A ideia é que seja uma política estendida para todos os entes da federação, em formato estadual, municipal”, disse. Fred também citou a necessária regulamentação da vinda de voluntários internacionais, e da necessária interação com os órgãos de imigração.

Entre os outros grupos de trabalho do Conselho, também foram apresentas as atualizações no programa de Cidades-piloto, e as alterações na plataforma do Viva Voluntário. A próxima reunião ordinária do grupo será em janeiro de 2019, com os representantes da nova gestão do Governo Federal, mas com os membros da sociedade civil mantidos.